16 de jun de 2010

De olho na privacidade

Os riscos que corre quem não filtra as informações que manda para a Internet

POR MARINA ESTARQUE in ODia on line de 16/06/2010

Rio - O Brasil é o país que mais acessa o Orkut no mundo e o que mais usa o Twitter na América Latina. Se o entusiasmo do brasileiro com as redes sociais é grande, o cuidado com as informações publicadas ainda deixa a desejar. É preciso que os sites ofereçam opções de privacidade mais efetivas e simples, mas o usuário, que em última análise é quem publica as informações, tem sua parcela de responsabilidade.
(...)
Para o especialista em Segurança da Informação Reinaldo de Medeiros, o melhor é partir da premissa de que não há privacidade na Internet. Qualquer informação publicada, mesmo se apagada em seguida, ficará associada ao indivíduo para sempre. “Defender a legalização das drogas ou ser a favor do Irã, por exemplo, pode diminuir suas chances de conseguir um emprego ou um visto para os EUA”, acredita.

Isso não significa que não se deva utilizar as redes sociais, mas que é preciso estar ciente dos riscos. “Nas redes sociais, como na vida real, é preciso se comportar bem e ter bom senso”, explica Medeiros. Ou seja, assim como não se deve falar mal do chefe numa festa do escritório, não se deve fazê-lo nas redes sociais.(...)
Cabe ao internauta, então, pensar bem em que preferências não se incomoda em revelar ao mundo.

Bom comportamento:

Evite publicar telefone, endereço pessoal, rotinas e hábitos, informações muito buscadas por golpistas

Recuse convites de pessoas que você não conhece.
Aprenda a lidar com as configurações de privacidade de Orkut, Twitter e Facebook e não compartilhe fotos com estranhos, mesmo que sejam amigos de amigos.

Evite postar comentários em momentos de raiva ou rancor. Lembre-se que tudo que escrever ficará registrado.

Seguindo estas simples orientações você poderá navegar sem sustos e se divertir sem preocupações!

Para ler toda a matéria,clique no título da postagem.





.

4 comentários:

  1. Essa matéria é muito importante para alertar as pessoas que utilizam a internet. Por incrivel que parece tem gente que usa desse meio pra prejudicar pessoas e quando vc se dá conta, ja foi levada a um grande "abismo" e todas as suas informações estão nas mãos de alguem que vc nem conhece. Tome cuidado pois o que mais tem na internet são pessoas más esperando por um deslize seu, infelizmente.

    Monique Hellen T: 3003

    ResponderExcluir
  2. Antes de ter lido estava ciente de tudo que foi dito nele, porém foi um ótimo alerta para aqueles que divulgam suas informações em redes sociais e se relacionam com outras pessoas que nem conheçe através do msn e passa suas informações a ela...
    Isso é algo que deveria ser conscientizado antes de qualquer cadastro de rede social. Outra coisa támbem muito importante em relação a isso é o fato de pessoas ultilizarem a internet para acessar sua conta bancária, isso é muito perigoso, pôs há um grande risco de haver algum virus(KeyLogger) que grave as informações digitadas em seu computador e enviadas ao hacker, esse virus pode se instalar no seu pc sem que você perceba, ou seja, o melhor jeito e ir até o banco.

    Nome: Alexander do Couto Barbosa
    Turma: 1002

    ResponderExcluir
  3. Não li nada de novidade, óbvio, pois esse sistema de conscientização está em vigor desde o início do apogeu da Internet. Mas sempre é bom dar uma ênfase sobre o que pode ser nocivo na era da informação a um clique de distância, na qual não saímos de casa para explorar o Mundo, mas sim abrimos a porta de casa para o Mundo vir até nós.

    E apenas um complemento sobre as informações dadas no primeiro parágrafo: não é algo impressionante o dado de que o Brasil é o país que mais usa Orkut no mundo, tendo em vista que aqui mais de 60% da população (a estatística é oficial, mas indisponho da fonte no momento) possui conta nessa rede social. Vale lembrar que estamos entre os maiores e mais populosos países do mundo, e os que nos superam em termos de população têm um leque de opções de redes sociais bem mais amplo que o nosso (nos EUA, por exemplo, existem muito mais usuários do FaceBook, Blogspot, GoogleSite e MySpace).

    Pedro Henrique França
    1002

    ResponderExcluir
  4. Essa matéria é um alerta muito importante, principalmente para os jovens, visto que esses conhecem muitas pessoas por redes sociais e algumas pessoas colocam fotos suas em momentos constrangedores, esquecendo-se de que a internet é um meio muito rápido de propagação de informação e que talvez essas fotos possam nos prejudicar no futuro. Foi uma ótima iniciativa a publicação desta matéria no blog.

    Winny R. Cardoso
    1001

    ResponderExcluir

Quando for escrever seu comentário tenha cuidado com a ortografia e gramática. Coloque seu nome completo e, se for o caso, a turma também.
Obrigada pela participação.
Brevemente seu comentário será publicado.