11 de out de 2010

Tudo para prender o interesse da garotada!




Matéria publicada em O Dia on line em 30/09  por Angélica Paulo.

Escolas utilizam recursos audiovisuais para incrementar as aulas

Filmes, músicas e performances teatrais tëm o objetivo de tornar as matérias mais interessantes


Rio - Avesso à leitura dos livros propostos em sala de aula, o estudante Matheus de Oliveira, de 16 anos, aluno do segundo ano do Ensino Médio, praticamente devorou "A morte e a morte de Quincas Berro D'água", do escritor baiano Jorge Amado. Essa mudança no entanto, só ocorreu quando, na aula de Literatura, a professora resolveu levar os alunos ao cinema para a assistir ao longa "Quincas Berro D'água", adaptação cinematográfica da obra que era estudada em sala de aula.
"Foi completamente diferente de ler o livro. O filme é engraçado e a gente nem sente o tempo passar. Depois de ver o filme, foi muito mais legal ler o livro", sentencia Matheus.

A utilização de recursos audiovisuais e até mesmo tetrais para incrementar as aulas dos Ensinos Fundamental e Médio, além de cursos pré-vestibulares, é uma ferramenta a mais no processo de aprendizagem. E que costuma dar bons resultados. (...)

Na Escola Estadual Mario de Andrade, em Santa Cruz, Zona Oeste do Rio, os alunos, além de utilizarem estas ferramentas em sala de aula, também podem aproveitar em casa. É que a biblioteca da escola possui um sistema de empréstimo de DVDs para os alunos, que além de terem acesso às grandes obras da literatura, também podem assistir a clássicos do cinema, como "Fale com ela", do cineasta espanhol Pedro Almodóvar e "Gladiador", do americano Ridley Scott.

No Sistema Elite de Ensino, colégio que possui unidades em vários bairros da Zona Norte do Rio, além da Baixada Fluminense, a mistura de cinema e aula deu tão certo que se transformou em um projeto paralelo, onde os alunos realizam seus próprios curtas-metragens, com duração de 1 minuto, baseados nas matérias do currículo escolar. Coordenador do projeto, o professor Carlos Morais conta que, anualmente, chegam a ser produzidos mais de 100 curtas, que levam cerca de um mês para ficarem prontos.
"Os temas são propostos para se trabalhar em sala e possuem vinculação direta com as matérias de Filosofia, Geografia, Sociologia, onde são os próprios professores que os elaboram. Além disso, o trabalho também vale nota para as disciplinas", explica.

Segundo Morais, o cinema tem o poder de criar um olhar crítico, além de ser formador de opiniões. Com isso, o aluno é colocado como cinesta e, como tal, deve ter a ideia da responsabilidade da sua posição perante o espectador. O professor também explica que, para  se produzir um filme de um minuto com fundamento, emitindo efetivamente uma mensagem, o estudante deve ter conhecimento do assunto abordado e, para isso, é necessário que se aprofunde no tema, adquirindo maior conhecimento sobre a matéria. (...)
Além de tornar as aulas mais divertidas e lúdicas, este tipo de metodologia pode até mesmo gerar novos profissionais para a área do audiovisual, como explica Morais: "Temos ex-alunos que hoje estão caminhando para se tornar grandes profissionais, e alguns estagiando conosco", finaliza.

Para ler toda a matéria, clique no título!

3 comentários:

  1. Para que ocorra o processo de ensino-aprendizagem com qualidade é, cada vez mais, imprescindivél a utilização de recursos audiovisuais na sala de aula. Desse modo, é essencial aproximar os educandos através desses recursos didáticos (filmes, documentários, músicas, exposições, etc), quando se pretende compreender melhor os conteúdos ministrados.

    ResponderExcluir
  2. Os recursos audiovisuais com toda a certeza enriquecem a aula, e muitas vezes, torna o entendimento mais fácil, a aula mais dinâmica e os alunos captam melhor as informações. Na nossa escola vemos isso com freqüência, tantos os alunos quanto os professores utilizam esses recursos, tornando o ambiente de estudo mais viável e agradável.

    Aline Raquel
    T:3004

    ResponderExcluir
  3. Os processos interativos como aulas audiovisuas além de ser uma maneira mais fácil de entender a matéria ,procuram fazer com que os alunos se interessem e tenham uma maior participação na sala de aula, mesmo que seja com um comentário ou até um debate. Acho que conteúdo é necessário , mas também não podemos ficar só em torno disso. Sempre é bom que o professor procure metodos novos como: Aula vídeo , filmes relacionado à matéria e jogos , porquê além de ser uma nova forma de ensino ,os alunos se mostrarão mais interessados.

    Nome: Raiane Queiroz
    Turma:3004

    ResponderExcluir

Quando for escrever seu comentário tenha cuidado com a ortografia e gramática. Coloque seu nome completo e, se for o caso, a turma também.
Obrigada pela participação.
Brevemente seu comentário será publicado.